SPTC promove treinamento sobre preservação de locais de crime para profissionais do SAMU

Foram qualificados 360 servidores de Goiânia e Aparecida de Goiânia

Capacitar os profissionais que atuam no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) sobre os procedimentos básicos de preservação de locais de crime. Este foi o principal objetivo de treinamento realizado pela Superintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC) da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

Participaram da formação os profissionais que atuam no atendimento em Goiânia e na Regional Centro-Sul de Aparecida de Goiânia. No total, foram capacitados 360 servidores, divididos em 12 turmas. “A preservação do local de crime é primordial para a integridade das evidências encontradas. Treinar essas equipes que chegam primeiro nas áreas onde são registrados crimes é extremamente importante para garantir a produção da prova pericial”, afirma o superintendente de Polícia Técnico-Científica, Marcos Egberto Brasil.

Durante o curso, os profissionais foram treinados para que possam realizar o atendimento pré-hospitalar, conforme os protocolos de preservação de vestígios recomendados pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). “A Polícia Técnico-Científica usa sua habilidade na instrução de profissionais da saúde. Dessa forma, conseguiremos avançar ainda mais no objetivo do trabalho pericial, que é chegar à verdade real dos fatos e condenar os criminosos”, destaca o superintendente Marcos Egberto.

O treinamento foi coordenado pela Divisão de Ensino da SPTC. As instruções foram ministradas pelos peritos criminais Olegário Augusto, Joara Campos, Juliana Rodrigues, Pedro Arcanjo, Frederico Silveira, Humberto de Almeida Moreira e Ricardo Matos, que integram o quadro funcional da Superintendência de Polícia Técnico-Científica.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar: