Servidores da UP de Caldas Novas evitam a entrada maconha escondida com visitante na unidade

O material ilícito estava escondido nas partes íntimas de uma gestante que visitaria o cônjuge, que cumpre pena por tráfico de drogas

Servidores da Unidade Prisional (UP) de Caldas Novas, pertencente à 4ª Coordenação Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), evitaram a entrada de 100 gramas de maconha no local, na manhã desta quinta-feira, 27/06. O entorpecente estava escondido nas partes íntimas de uma visitante, em fase de gestação, que estava no local para visitar o cônjuge, preso com base na Lei 11.343/2006.

Segundo o diretor da UP, Adalberto Magalhães, após receber uma denúncia anônima, os agentes plantonistas monitoraram a visitante de 26 anos, que levantou suspeita após demonstrar reações visivelmente nervosas durante o procedimento de revista.

Diante dos fatos, ao ser indagada sobre a presença de ilícitos, a mulher inicialmente negou estar praticando ato delituoso, mas se propôs a realizar exames para comprovação da ocorrência. Após ser conduzida ao hospital municipal, foi realizado o exame de ultrassom, que comprovou a presença da droga sob posse da visitante.

Mediante o exposto, foi confeccionado o laudo médico para providências legais. A visitante foi conduzida à delegacia da cidade, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante.

A direção da unidade colocou a droga à disposição das autoridades competentes para as devidas providências e abriu procedimentos administrativos internos para averiguação do fato ocorrido para posteriores aplicações de sanções disciplinares em conformidade com a lei.

Após obter êxito na interceptação, evitando a entrada de ilícitos na unidade, o diretor parabenizou o eficiente trabalho dos agentes plantonistas pelo flagrante. “Ao receber a denúncia, foi feito uma análise estratégica por parte da equipe, ações que consagraram a apreensão”, ressalta Magalhães.

A interceptação é resultado de rigorosas medidas aplicadas durante procedimentos operacionais que garantem a ordem e a disciplina nos estabelecimentos penais. A eficiência aplicada pela equipe no exercício de suas funções vai ao encontro das políticas penitenciárias do Estado, em consonância com as diretrizes da Secretaria de Segurança Pública e da DGAP.

Fotos: DGAP
Comunicação Setorial
Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)
(62) 3201-4726
(62) 99858-4776

Compartilhar: