Rotam prende membros de associação criminosa, suspeitos de estelionato e tráfico de drogas

Grupo clonava cartões para sacar auxílio emergencial de outras pessoas. Com eles, foram apreendidos diversos cartões, valores em espécie, comprovantes das transações fraudulentas e ainda porções de entorpecentes. Os três foram levados à Central de Flagrantes.

A Polícia Militar, por meio das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), prendeu na noite desta terça-feira (28/07), em Goiânia, três homens suspeitos de fraudar o auxílio emergencial do Governo Federal. O trio clonava os cartões de outras pessoas, para sacar o benefício. Eles são suspeitos ainda de envolvimento com o tráfico de drogas.

As equipes receberam denúncia de que uma dupla, inicialmente, estaria aplicando os golpes. No momento em que os militares realizavam o patrulhamento pelo Setor Sudoeste, na capital, identificaram os suspeitos, sacando valores em uma agência bancaria. Segundo a PM, eles usavam no momento um cartão clonado, com o nome de outra pessoa.

A dupla confessou aos policiais que um terceiro suspeito fazia parte do esquema e indicou um endereço, onde ele estaria. Os militares realizaram buscas na residência e prenderam o membro da associação criminosa. No local foram apreendidos ainda diversos cartões bancários, valores em espécie, comprovantes de transação, porções de maconha, uma balança de precisão, além de relógios e celulares.

Os três suspeitos foram encaminhados à Central Geral de Flagrantes. Eles deverão responder por estelionato e por tráfico de drogas.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar: