Procon Goiás apreende 3 toneladas de alimentos impróprios para consumo

As apreensões aconteceram durante três semanas. Ao todo, foram retiradas de circulação 82.793 unidades de produtos

O Procon Goiás divulgou, nesta semana, o balanço das ações de fiscalizações em padarias e lanchonetes da capital que, nas últimas três semanas, apreendeu três toneladas de alimentos impróprios para o consumo. As apreensões, segundo o órgão, já  foram descartadas pelos fiscais, na presença dos responsáveis pelos estabelecimentos. Ao todo, foram retiradas de circulação 82.793 unidades de produtos impróprios para o consumo.

Ainda de acordo autoridades, entre os principais alimentos identificados nas operações estão bebidas lácteas, sucos, refrigerantes, ovos e bolachas, frios armazenados em câmaras frias, além de embutidos como linguiças e salsichas.

Os alimentos estavam com a data de validade expirada ou não apresentavam as devidas especificações como procedência, características de origem, data de fabricação, entre outros detalhes. Já os empresários têm até dez dias após a autuação para apresentarem seus argumentos de defesa. Eles estão sujeitos à multa cujo valor varia de R$632,00 a R$9,2 milhões, dependendo da natureza da infração, faturamento da empresa e possível reincidência.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar:
Pular para o conteúdo