Primeiras 24h de megaoperação reduzem criminalidade em Goiânia

1628
0

Primeiras 24h de megaoperação reduzem criminalidade em Goiânia (3)

Duas quadrilhas de roubo a residências foram desarticuladas e nove suspeitos presos em flagrante no momento em que cometiam os crimes. Além disso, nas últimas 24 horas, não houve registro de homicídio ou tentativa de homicídio na capital. A Polícia Militar intensifica desde quinta-feira (17/11) as ações preventivas e repressivas na região Noroeste, em Goiânia.

No balanço das primeiras 24 horas, o comandante do Policiamento da Capital, tenente-coronel Ricardo Rocha, cinco veículos foram recuperados, quatro armas de fogo apreendidas, além de inúmeras abordagens, bloqueios e patrulhamentos. A PM também intensificou as visitas nas escolas da região e este trabalho tem sido coordenado pelo Batalhão Escolar.

“Os índices de redução de criminalidade são palpáveis e a população tem notado esse serviço”, diz Ricardo Rocha. Além do efetivo diário, a PM trabalha com equipes da Rotam e do Comando de Missões Especiais, como o Choque, Bope, Graer, Giro e Cavalaria. A Polícia Civil também incrementou suas ações na região. A central de flagrantes de Goiânia funciona 24 horas no 22º Distrito Policial, no Jardim Curitiba II.

Procon

Em uma ação conjunta com a Delegacia do Consumidor (Decon), a Superintendência de Polícia Técnico-Científica e a Vigilância Sanitária Municipal, a Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon) interditou, na quinta-feira (17/11), dois depósitos de um supermercado no Setor Finsocial, na região Noroeste de Goiânia.

Foram apreendidos quase 900 itens no armazenamento do açougue e da panificadora do estabelecimento. No local, também se encontrou uma vasta quantidade de produtos inadequados para o consumo. Como, por exemplo, carnes acondicionadas fora da temperatura adequada, produtos vencidos, sem origem, sem data de fabricação e vencimento. Outra irregularidade foi o acondicionamento de produtos alimentícios em contato com produtos de limpeza. Os itens acabaram sendo descartados no aterro sanitário e o gerente do supermercado foi conduzido para a Decon.

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Compartilhar: