Polícia Civil prende dupla suspeita de utilizar transporte de aplicativo para a venda de drogas

Com os suspeitos, foram apreendidas mais de 100 porções de cocaína.

A Polícia Civil de Goiás prendeu em flagrante nesta terça-feira (08/09) dois homens, em Goiânia, suspeitos de se passar por motoristas de aplicativo, para realizar a venda de drogas, no município. As prisões foram feitas pela Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), que já investigava a dupla.

A apuração policial teve início após uma denúncia anônima, que informava as possíveis atividades criminosas dos suspeitos. As equipes da Denarc então passaram a monitorar os dois. Segundo informações da polícia, a dupla costumava transitar pela capital, no interior de um veículo. Um deles dirigia o carro, enquanto o outro ia no banco traseiro, simulando a prestação de serviço de transporte particular de passageiro.

No entanto, as investigações apontaram que os suspeitos na verdade usavam a atividade como fachada, para o tráfico de drogas. No final da tarde desta terça-feira, os policiais civis conseguiram abordar os dois indivíduos no bairro Jardim América, logo após entregarem uma encomenda a outra pessoa. Durante buscas, foram encontradas no veículo porções de cocaína já embaladas e prontas para a comercialização.

Parte da droga estava na carteira do suspeito que dirigia o veículo e o restante escondido dentro do compartimento onde fica a caixa de fusível do carro. Os policiais localizaram ainda porções da droga na residência dos dois investigados, no bairro Cidade Jardim, totalizando aproximadamente 100 porções de cocaína.

A equipe da Denarc apreendeu também uma balança de precisão, sacos utilizados para embalar os entorpecentes, caderno de anotações com contabilidade do tráfico e valores oriundos da atividade ilegal. Segundo a Polícia Civil, a prisão dos suspeitos faz parte de diversas outras detenções que vendo sendo realizadas contra falsos motoristas de aplicativo, que atuam no tráfico de drogas.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar:
Pular para o conteúdo