Polícia Civil indicia 21 por tráfico de drogas sintéticas no Sul de Goiás

Entre os presos, está um professor universitário. Os demais são de classe média, com idade
entre 18 e 25 anos

A Polícia Civil concluiu nesta quinta-feira (04/07), os procedimentos relacionados à Operação After, que tem como objetivo coibir o tráfico de drogas sintéticas na região Sul do Estado. No total, 21 suspeitos foram indiciados. Deste número, 12 já estão detidos por meio de mandado de prisão preventiva. Três estão foragidos e seis responderão em liberdade.

De acordo com as investigações, os suspeitos são de classe média, com idade entre 18 e 25 anos, e atuavam em um sofisticado esquema de aquisição e transporte interestadual de drogas. Entre eles, está um professor universitário. Dois menores responderão por ato infracional. Um deles era responsável por adquirir os entorpecentes de grandes traficantes de outros estados, como Bahia, Minas Gerais, Santa Catarina e São Paulo.

O pagamento era realizado por meio de depósito bancária. As drogas eram entregues pelos Correios no endereço indicado pelos compradores. Na primeira fase da operação, deflagrada em junho deste ano, 10 pessoas foram detidas, sendo nove em Goiatuba e uma em Buriti Alegre. Outras duas foram presas nesta quarta-feira (03) em Goiânia e Vicentinópolis.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar: