Polícia Civil de Goiás prende suspeito por latrocínio de padre no Distrito Federal

Homem foi detido em Novo Gama

A Polícia Civil do Estado de Goiás prendeu nesta quarta-feira (25/09), um dos suspeitos de envolvimento no latrocínio de um padre, no Distrito Federal. Daniel Souza da Cruz, de 29 anos, foi detido por policiais do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) e do Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Novo Gama.

O padre Kazimierz Wojn, de 71 anos, foi morto durante um assalto após uma missa em uma igreja localizada na Asa Norte, em Brasília Daniel é o terceiro suspeito preso e será colocado à disposição da Polícia Civil do Distrito Federal, que é responsável pelas investigações.

O caso
A vítima foi rendida no último sábado (21), por volta das 19 horas. Ele foi encontrado morto, com braços e pernas amarrados e um arame no pescoço. Um funcionário da igreja contou que também foi agredido e feito refém. Segundo ele, os ladrões mandaram que ele ficasse olhando para baixo o tempo inteiro. Ele também teve os pés e as mãos amarradas.


Comunicação Setorial

Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar: