Notícias da SSPÚltimo Segundo

Polícia Civil apreende meia tonelada de alimentos em fábrica clandestina de temperos, em Goiânia

Ouvir o texto deste post Parar ou pausar Continuar

Operação integrada com Vigilância Sanitária cumpriu mandados de busca e apreensão no estabelecimento. Todo o material apreendido foi encaminhado ao aterro sanitário para o descarte.

A Polícia Civil de Goiás (PCGO) apreendeu mais de meia tonelada de alimentos irregulares em uma fábrica clandestina de temperos, em Goiânia. Segundo as investigações, o local funcionava sem condições mínimas de higiene e não tinha nenhum alvará sanitário. Foram encontrados também indícios de que os responsáveis fraudavam os rótulos dos temperos utilizando CNPJ inexistente.

A operação foi deflagrada pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon), em parceria com a Vigilância Sanitária da capital. Entre os alimentos apreendidos: pimenta do reino, pimenta malagueta, conserva de pequi, jurubeba, alho, sorbato, produtos diversos sem origem de procedência e rótulos ilícitos. Toda a mercadoria foi encaminhada ao aterro sanitário para o descarte.

Segundo o delegado titular da Decon, Webert Leonardo, “os temperos eram colocados à venda nos mais diversos supermercados de Goiânia”, afirma. “O local, além de não possuir alvará para funcionamento, as condições em que foram encontrados os alimentos e insumos para fabricação dos temperos, estavam em total desrespeito e não obediência à legislação sanitária vigente”, descreve o delegado.

A Vigilância Sanitária interditou o local e deve aplicar multas administrativas e sanitárias ao estabelecimento. O responsável pela fábrica deverá ser indiciado no inquérito policial pela prática de crime contra as relações de consumo.

Secretaria de Estado da Segurança Pública – Governo de Goiás

Botão Voltar ao topo
Pular para o conteúdo

AdBlock detectado!

Nosso site exibe alguns serviços importante para você usuário, por favor, desative o seu AdBlock para podermos continuar e oferecer um serviço de qualidade!