PM prende ao menos 7 suspeitos de tráfico de drogas nas últimas 24 horas

Ocorrências foram realizadas nas Região Metropolitana de Goiânia e Sudoeste do Estado

Durante diferentes ações realizadas nesta segunda-feira (15/6) e madrugada de terça-feira (16) a Polícia Militar de Goiás prendeu, ao menos, 7 suspeitos de tráfico de drogas na Região Metropolitana de Goiânia e no Sudoeste do Estado. Além dos indivíduos presos, as ocorrências cumpridas em Aparecida de Goiânia, Trindade e Indiara apreenderam mais de 150 kg de entorpecentes.

Em uma das ações de Aparecida, realizada por uma equipe do Comando de Policiamento Rodoviário (CPR), mais de 90 kg de drogas foram apreendidas, após abordagens à três suspeitos. Após a apreensão das drogas e a prisão em flagrantes, foi constatado que um dos abordados era foragido da Justiça, sendo assim, recapturado.

Em outra ocorrência, ainda em Aparecida, policiais do CHOQUE prenderam um suspeito com porções de droga que, ao ser questionado, admitiu que possuía cerca de 2 kg de entorpecentes em sua casa, além de uma planta de maconha. O indivíduo já possuía antecedentes criminais e foi encaminhado para a Delegacia de Aparecida de Goiânia para as demais providências.

Em Trindade, uma equipe do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer), também prendeu um suspeito de tráfico com 1 kg de skunk (super maconha), que seria vendida pelo valor de R$ 17 mil. O indivíduo foi encaminhado para a delegacia para procedimento padrão.

Por fim, em Indiara, região Sudoeste do Estado, equipes do Comando de Operações de Divisas (COD/CPR), durante a frequente Operação Hórus, abordaram um veículo suspeito onde foram encontrados 65 tabletes de maconha e 16 sacos com Skunk embalados à vácuo. O motorista do carro informou que pegou os entorpecentes na cidade de Rio Verde e teria, como destino, em Goiânia. O carregamento, avaliado em R$ 200 mil, foi apreendido e o suspeito encaminhado para a Delegacia de Polícia da Cidade de Indiara.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar: