Natal Seguro e Sem Fome: Forças segurança iniciam arrecadação de alimentos para entidades filantrópicas

Campanha é fruto de parceria entre Secretaria de Segurança Pública e Organização das
Voluntárias de Goiás

“Nossas forças policiais têm batido todos os recordes de produtividade na luta contra o crime. Tenho certeza que, com o mesmo empenho, vão arrecadar o maior número possível de alimentos para pessoas carentes”, afirmou o secretário de Segurança Pública Rodney Miranda nesta quarta-feira (13/11), no lançamento oficial da campanha Natal Seguro e Sem Fome. Um dos principais objetivos da iniciativa é arrecadar alimentos para entidades que realizam ações de promoção social e cidadania para pessoas em situação de vulnerabilidade.

A campanha é fruto de parceria entre Secretaria de Segurança Pública (SSP) e Organização das Voluntárias de Goiás (OVG). É a primeira vez que as duas instituições se unem para uma ação tão grande de cidadania. “Vamos colocar pontos de coletas nas unidades das forças de segurança. Contamos com o empenho de cada integrante das nossas tropas e com a solidariedade do povo goiano para ajudar aqueles que precisam de amparo”, ressaltou Rodney Miranda.

Os donativos serão arrecadados pelas polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Superintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC), Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), Procon e Detran. A distribuição ficará sob a responsabilidade da OVG, que possui um levantamento das instituições que promovem ações de promoção social, bem como de todas as 813 mil famílias em situação de vulnerabilidade social em todo o Estado.

Para a primeira-dama e presidente do Grupo Técnico Social de Goiás, Gracinha Caiado, a parceria entre SSP e OVG será fundamental para garantir um Natal mais solidário e justo para aqueles que estão em situação de privações. “É uma alegria muito grande fazer parte dessa campanha tão importante. Na OVG, já temos quase 500 instituições cadastradas e esperamos receber outras para serem beneficiadas na iniciativa. Nosso objetivo é fazer com que as doações cheguem a quem, de fato, precisa”, destacou.

Serão montados pontos de coleta nas unidades da SSP, da OVG e das forças policiais. Podem ser doados arroz, açúcar, feijão, macarrão, bolacha de água e sal, óleo de soja e leite longa vida. Serão aceitos alimentos com data de vencimento a partir de 2020. “Tenho certeza que esta campanha vai atender as pessoas que precisam de ajuda e também pode ajudar a reduzir ainda mais os índices de criminalidade”, declarou o gerente de Ações Integradas de Prevenção à Violência da SSP e coordenador-geral da campanha, Luciano Levy Leite dos Santos.

Reconhecimento
Em seu discurso, a primeira-dama Gracinha Caiado também elogiou o trabalho das forças policiais no combate à criminalidade. “O governador Ronaldo Caiado e eu temos um orgulho imenso das tropas goianas. Vocês nos deram as mãos e têm trabalhado incansavelmente para devolver Goiás aos goianos. Sem vocês, nada seria possível”, assegurou.

 

Clique abaixo para visualizar os pontos de arrecadação

Polícia Militar

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar: