Em ação integrada, Polícias Civil e Militar prendem suspeitos de roubo em Edeia

Um dos suspeitos era um adolescente, que já estava sendo monitorado por outro crime praticado na cidade

A Polícia Civil de Goiás, em ação integrada com a Polícia Militar, prendeu em flagrante um homem, de 20 anos e apreendeu um adolescente, suspeitos de praticarem o roubo de um aparelho celular, no município de Edéia, região Sul do estado. No momento do crime, registrado na noite da última terça-feira (17/11), a dupla fez uso de uma arma de fogo.

Segundo a apuração policial, as vítimas estavam caminhando no Setor São Lourenço, quando foram abordadas por um dos indivíduos, que efetuou um disparo de arma de fogo e ordenou que deitassem no chão. O crime foi praticado sob grave ameaça. O caso foi denunciado à Polícia Civil nesta quarta-feira (18/11). Imediatamente, as equipes solicitaram apoio da PM e de policiais das Delegacias de Jandaia e Indiara.

O adolescente, de 14 anos, teria se mudado há cerca de três semanas para Edéia e já vinha sendo monitorado pela Polícia Civil, por ser suspeito de participar de outro roubo de celular, no dia 29 de outubro deste ano. Após análise, as equipes identificaram semelhanças entre as caraterísticas repassadas pelas vítimas do último crime, com as do adolescente monitorado.

Nesta quarta-feira, policiais civis e militares realizaram diversas diligências pela região, em busca do suspeito identificado. Ele foi encontrado nas proximidades de uma residência e confessou a autoria dos dois roubos. O adolescente ainda repassou à equipe informações sobre o paradeiro do comparsa, que também foi localizado e detido.

A arma de fogo utilizada no crime estava escondida no lote de uma residência desocupada, que pertencia ao avô de um dos suspeitos. O material foi apreendido. O adulto preso será indiciado pelos crimes de roubo qualificado e corrupção de menores, estando sujeito a uma pena de até 20 anos de prisão. Já o adolescente deverá responder por ato infracional análogo ao crime de roubo.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar:
Pular para o conteúdo