Ação conjunta entre as Polícias Civil e Militar resulta na apreensão de 15 kg de drogas

Uma mulher, que era responsável pela droga, foi presa em flagrante.

Uma ação integrada entre a Polícia Militar de Goiás e a Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Furto e Roubos de Cargas (DECAR), resultou na apreensão de 15 kg de skunk (supermaconha) na tarde desta sexta-feira (25/09), em Goiânia. Uma mulher, que era responsável pela droga, foi presa em flagrante.

As equipes apuravam o roubo de uma carga de medicamentos, que ocorreu no dia 28 de agosto deste ano, quando receberam uma denúncia anônima, informando que o carregamento estaria em uma residência, no Jardim Europa. Policiais civis e militares foram então até o local, para uma averiguação.

Na casa, as equipes foram recebidas por uma mulher, que negou envolvimento com o crime. Apesar disso, ela demonstrou nervosismo, o que levantou suspeitas. Durante entrevista, a mulher confessou que escondia drogas no local e que a residência era de propriedade de um presidiário do Mato Grosso do Sul.

Diante das informações, os policiais realizaram buscas na casa e encontraram 20 pacotes com os entorpecentes. A suspeita foi encaminhada à Central Geral de Flagrantes da capital, onde foi autuada por tráfico de drogas.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar:
Pular para o conteúdo