Alta produtividade: PMGO apreende drogas e fecha fábrica clandestina de armas

Local era utilizado para a manutenção de armas de facção criminosa. Ao menos 14 pessoas foram detidas durante as últimas ações.

Em diversas ações realizadas entre a noite desta quarta-feira (28/04) e madrugada de quinta (29/04), a Polícia Militar de Goiás apreendeu ao menos 11 armas de fogo, munições e aproximadamente 63 quilos de drogas. Uma fábrica clandestina de armas de fogo foi fechada. Pelo menos 14 pessoas foram presas nas últimas horas. As principais ocorrências aconteceram na capital, em Aparecida de Goiânia, Trindade, Senador Canedo, Santa Helena de Goiás, Quirinópolis, Chapadão do Céu e Anápolis.

Durante uma das diligências, militares do Comando de Policiamento Especializado (CPE) de Rio Verde descobriram uma oficina clandestina, usada para a fabricação e manutenção de armas de fogo, para uma facção criminosa. O local, que funcionava no município de Quirinópolis, na região sudoeste do Estado, foi fechado. Uma pessoa foi presa em flagrante durante a operação policial e diversas armas, de grosso calibre, apreendidas.

A ocorrência teve início após o recebimento de uma denúncia, informando sobre o paiol. Os policiais se deslocaram até a residência para averiguação, onde foi constatada a situação. O indivíduo era responsável pelo reparo das armas e tentou fugir, mas foi interceptado. No local, foram encontradas duas armas de fabricação caseiras, uma delas calibre 9mm com kit rajada e a outra uma gauge. 12. Foi apreendido também um fuzil T4 calibre .556. O homem e os objetos foram levados à Delegacia de Polícia Civil de Rio Verde.

No combate ao tráfico de drogas, militares do 7º Batalhão da PM efetuaram a prisão de um indivíduo, em Bela Vista de Goiás, com 33 quilos de maconha. As equipes chegaram até o suspeito, de 25 anos, após uma denúncia. Parte dos entorpecentes estava com ele e o restante na casa onde morava. Além das drogas, foram encontrados no local um revólver calibre 38, munições e duas balanças de precisão. O indivíduo era monitorado por tornozeleira eletrônica e foi conduzido ao Distrito Policial da cidade.

Já em Goiânia, os policiais do 7º BPM apreenderam mais 15 quilos de maconha. Os militares receberam informações sobre uma residência, no setor Jardim Curitiba, onde havia possível comercialização de drogas. As equipes foram até o local e abordaram um homem, de 18 anos. Na casa dele, foram encontrados os tabletes do entorpecente, duas balanças de precisão, um simulacro de arma de fogo e material de embalagem. O suspeito foi detido e encaminhado à Central Geral de Flagrantes da capital.

O Comando de Operações de Divisas (COD/COC) também prendeu um homem, de 50 anos, foragido da justiça pelo atentado que vitimou o então prefeito de Confresa, no estado do Mato Grosso, Iron Marques Parreira. O indivíduo, que já havia sido condenado à pena de nove anos e cinco meses de reclusão pelo crime, foi encontrado em Goiânia. A prisão é fruto do trabalho integrado entre a Polícia Militar de Goiás (PMGO) e a PMMT.

Secretaria de Segurança Pública – Governo de Goiás

Compartilhar:
Pular para o conteúdo