CREDEQ: “O Estado estende a mão às pessoas que querem se recuperar”, diz José Eliton

Para o vice-governador e secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), José Eliton, o combate às drogas é o grande desafio da sociedade moderna. “Trata-se de um tema que envolve debates dos mais acalorados sobre a forma de enfrentar esse flagelo da humanidade”, disse ele, durante inauguração do Centro de Referência e Excelência em Dependência Química (Credeq) em Aparecida de Goiânia, nesta quinta-feira (23/06), conduzida pelo governador Marconi Perillo.

Eliton também destacou a importância da educação familiar e do que chamou de “retomada dos valores” para coibir a entrada de crianças e jovens no mundo das drogas. “A educação tem um papel fundamental ao estabelecer novos horizontes para as próximas gerações. A responsabilidade da família ao longo dos anos acabou por ser relegada a um segundo plano. É preciso restabelecer valores”, enfatizou.

“As pessoas que convivem com dependentes químicos sabem o mal que a droga acarreta”, acrescentou o vice-governador, ressaltando a importância de o governo auxiliar aqueles que querem se recuperar e enfrentam dificuldades neste processo. “O Estado precisa ter a capacidade de estender a mão a estas pessoas”, lembrando ainda que o poder público – no caso em questão, representado pela Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP) – tem agido em outras frentes, como no trabalho de apreensão de drogas – cerca de 25 toneladas somente neste ano – e na forte repressão ao crime organizado.

Na solenidade de inauguração, José Eliton também ressaltou o trabalho do governador Marconi Perillo. “Ele tem buscado posicionar o Estado de Goiás em outro patamar em relação aos demais estados. É preciso ter coragem para apontar caminhos e determinação para enfrentar o bom debate. O governador com muita determinação e obstinação tem quebrado preconceitos e tem estabelecido novos paradigmas”, disse o vice-governador sobre a iniciativa de construção do Credeq, apontada como uma unidade inovadora no país para tratamento de dependentes químicos.

“Este espaço público carrega consigo sentimentos importantes: fraternidade, solidariedade, amizade, companheirismo, respeito ao próximo e principalmente o descortinar de um novo horizonte”, finalizou o secretário.

As atividades do Credeq se iniciam a partir desta sexta-feira (24), com 30 leitos disponíveis.  Será administrada por uma Organização Social e contará com 360 profissionais. Em um primeiro momento, receberá pacientes encaminhados pelos 11 Centros de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD), localizados em diferentes municípios do Estado. O Credeq possui mais de 10 mil m² e três núcleos de atendimentos específicos: infantil, adolescente e adulto, com capacidade de 96 leitos permanentes para internações, além de mais de duas mil consultas e dez mil atendimentos multidisciplinares por mês.

FOTOS: WILDES BARBOSA

Comunicação Setorial
Secretaria de Estado de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP)
(62) 3201-1004, 3201-1055

Compartilhar: